José Serra, candidato à Presidência da República

Hoje, em Salvador, o PSDB, junto do Democratas e do PPS, lançou o seu candidato à Presidência da República Federativa do Brasil: José Serra, ex-Ministro da Saúde, ex-prefeito de São Paulo, ex-governador do Estado de São Paulo. Pelo que vejo por aí, muitos encaram com descrença essa candidatura. Talvez a política no Brasil esteja tão má que a sujeira maculou Serra; ou talvez ele tenha uma personalidade não tão tragável quanto a de Lula. Eu não o escolho por eliminação, mas conscientemente. Transcrevo abaixo alguns trechos de seu discurso no evento:
 
"Caro presidente Sérgio Guerra, presidentes de partidos aliados, convencionais do PSDB de todo o Brasil. Começo meu discurso dizendo sim. Sim, aceito sua indicação para ser candidato a presidente da República. (…)
 
Acredito que a  democracia é o único caminho para que as pessoas em geral, e os trabalhadores em particular, possam lutar para melhorar de vida. Não é com o menosprezo ao Estado de Direito e às liberdades que vamos obter mais justiça social duradoura.  Não há justiça sem democracia, assim como não há democracia sem justiça.(…)
 
Acredito que o Estado deve subordinar-se à sociedade, e não ao governante da hora, ou a um partido. O tempo dos chefes de governo que acreditavam personificar o Estado ficou pra trás há mais de 300 anos. Luis XIV achava que o estado era ele. Nas democracias e no Brasil, não há lugar para luíses assim. (…)
 
Acredito nos direitos humanos, dentro do Brasil e no mundo. Não  devemos elogiar continuamente  ditadores em todos os cantos do planeta, só porque são aliados eventuais do partido de governo. Não concordo com a repressão violenta das idéias, a tortura, o encarceramento por ideologia, o esmagamento de quem pensa diferente.(…)
 
Não tenho esquemas, não tenho máquinas oficiais, não tenho patotas corporativas, não tenho padrinhos, não tenho esquadrões de militantes pagos com dinheiro público. Tenho apenas a minha história de vida, minha biografia e minhas idéias. E o apoio de vocês que me conhecem e compartilham  minhas crenças.(…)
 
Não comecei ontem e não caí de pára-quedas. Apresentei-me ao povo brasileiro, fui votado, exerci cargos, me submeti ao julgamento da população, fui aprovado e votado de novo. Assim foi em cada degrau, em cada etapa da minha vida. Isso demonstra meu respeito pela vontade popular. 80 milhões de votos ao longo da vida pública –  80 milhões de vezes  brasileiros me disseram sim, siga em frente que nós te apoiamos. (…)
 
Guiado por essa inspiração, parto para a disputa. Vamos, juntos, com alegria, confiança e patriotismo. Nós sabemos o caminho. Já provamos nosso valor. Já fomos testados e aprovados. Vamos, juntos, porque o Brasil pode mais. Vamos juntos à vitória!" Íntegra Aqui
Anúncios
Explore posts in the same categories: Política

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: