“A Origem” de nossos sonhos

Você já teve um sonho que parecia incrivelmente real? No qual passou medo e acordou assustado? Ou que sofreu algum machucado e acordou dolorido? Ou que refletia o que estava acontecendo na vida real, como ouvir vozes em meio a história? Certamente que sim, afinal sonhar faz parte da vida humana, e é fundamental para a manutenção da sanidade do sujeito. Mas é o excesso de realidade e criatividade dos sonhos que é o assunto principal do filme "A Origem", estrelado por Leonardo DiCaprio, que está nos cinemas.
 
O filme é espetacular, principalmente na mente insanamente criativa que inventou toda a história. Mas é confuso, lembrando Matrix, com mais viagens alucinadas. Afinal, lá não se transporta de um mundo para um computador, mas do real para o subconsciente. Assistindo lembrei-me das teorias filosóficas modernas, principalmente na voz de Kant, que chegaram a conclusão que é impossível para o homem saber o que é realidade ou o que é fantasia, ou sonho. A diferença do sonho é que quando morremos, acordamos. Mas não seria assim na vida real também?
 
A ciência seria então – concluindo o pensamento filosófico – o instrumento de medir essa realidade que o homem chama de verdadeira, ou seja, mede o que ela própria designou como correto. Portanto, até no desenvolvimento da ciência existe a fé. E no fim das contas – não estou contando o fim do filme – o que resta é o nosso desejo de acreditar ou nisso ou naquilo, dependendo do qual nos torne mais feliz. Se o filme é louco, saibamos que a vida é muito mais. Recomendo.
Anúncios
Explore posts in the same categories: Lazer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: