A Cara da Igreja

Os séculos XV e XVI foram marcados não só pelo Renascimento cultural e comercial do mundo – que acabou por desenhar nossa economia atual – como também pela Reforma protestante e Contra-Reforma católica – fatos que, apesar de religiosos, contribuíram muito para a ideologia dos dias de hoje. Foi nesse período, onde as certezas e dogmas foram todos questionados, que a Igreja Católica foi chamada para reafirmar aquilo que tinha certeza de ser, seus propósitos e convicções. Nesse ambiente está inserido São Roberto Belarmino, jesuíta cardeal e Doutor da Igreja, cuja festa de comemora no dia 17 de setembro e sobre quem o Papa Bento XVI fala hoje em sua audiência semanal. Será que nós não devemos refletir também acerca de quais são nossas convicções e crenças, e parar para perceber se não estamos sendo reformados pelo mundo rotineiramente?

PAPA BENTO XVI

AUDIÊNCIA GERAL

Sala Paulo VI
Quarta-feira, 23 de Fevereiro de 2011

São Roberto Belarmino

Queridos irmãos e irmãs,

«Fomos criados para a glória de Deus e para a salvação eterna: este é o nosso fim. Se o alcançarmos, seremos felizes; se dele nos afastamos, seremos infelizes. Por isso, devemos considerar como verdadeiramente bom o que nos conduz ao nosso fim, e como verdadeiramente mau o que dele nos afasta»: assim escreve São Roberto Belarmino, bispo e doutor da Igreja. O Concílio de Trento terminara há pouco, e a Igreja Católica precisava de ver confirmada e consolidada a sua identidade face à Reforma protestante. A acção do nosso Santo insere-se neste contexto, tendo servido fiel e valorosamente a Igreja ao longo dos últimos decénios do século XVI e primeiros do século XVII. Na sua obra O Gemido da Pomba – «pomba» aqui é a Igreja –, chama vigorosamente o clero e os fiéis a uma reforma pessoal e concreta da própria vida. Com grande clareza e com o exemplo da vida, ensina que não pode haver verdadeira reforma da Igreja, se primeiro não houver a nossa reforma pessoal e a conversão do coração.

© Copyright 2011 – Libreria Editrice Vaticana

Anúncios
Explore posts in the same categories: Religião, Viagens

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: