“Diaversário” bom é “diaversário” santo

Este papo que estou desenvolvendo neste ano (sobre um feliz “diaversário”) pode ser visto por muita gente como mais uma daquelas cascatas de auto-ajuda, em busca de uma vida perfeita e feliz que não se encontra na realidade de ninguém. Seria mais ou menos parecido com as reportagens da revista Vida Simples, da Editora Abril, onde se mistura dieta da lua, meditação e sudoku para equilibrar a vida. Mas, afinal, quem consegue manter uma “vida simples” num mundo caótico como o de hoje? Realmente, eu não estou com esses caras, e quem se arrisca a ler uma coisa ou outra daqui pode ficar sabendo desde já: o que – humildemente – recomendo para vivermos não passa pelo que se come, se pensa ou se aspira; pelo menos não no sentido que esses caras fazem, misturando espiritismo, budismo, marxismo e cretinismo.

Talvez eu faça muita firula ao tratar das coisas nos meus textos, mas todas estão envolvidas na mesma temática e miram para o mesmo lugar: o cristianismo – puro, bruto, verdadeiro e ortodoxo – da minha Igreja Católica. Nada de modismos ou sincretismos: é simplesmente o Amor de Deus Pai – expresso por seu Filho, Jesus Cristo – que pode nos fazer viver um bom “diaversário”. O modo como isso se aplica no nosso cotidiano cheio de assuntos, aí é outra história; e talvez seja necessário muito mais que um ano de textos pra se dar conta de tudo. Afinal, é necessário contextualizar as coisas, mas não modificá-las – ou adulterá-las – para caber nos “tempos modernos”. Ainda hoje a busca da felicidade continua a mesma: a busca pela santidade. Por isso gosto de falar dos santos na quarta-feira aqui: eles viveram tempos tão atabalhoados quanto os nossos, e viveram perfeitamente seus “diaversários”. A santidade ainda existe, em pleno século XXI, ela é leve, sublime, amável e é o que nos traz a verdadeira alegria. E é sobre isso que o papa Bento XVI fala em sua Audiência de hoje, que posto o resumo abaixo.

 

PAPA BENTO XVI

AUDIÊNCIA GERAL

Praça de São Pedro
Quarta-feira, 13 de Abril de 2011

A santidade

Queridos irmãos e irmãs,

Nas Audiências Gerais dos últimos dois anos, pudemos conhecer a figura de muitos Santos e Santas; hoje, queria falar-vos um pouco da santidade. Esta consiste em unir-se a Cristo e assumir as suas atitudes, pensamentos e formas de vida. Por isso a santidade tem a sua raiz última no baptismo, pelo qual somos enxertados em Cristo e nos é comunicado o seu Espírito, a sua vida de Ressuscitado. Mas, Deus respeita sempre a nossa liberdade, pedindo que aceitemos este dom e vivamos as suas exigências; isto é, pede que nos deixemos transformar pela acção do Espírito Santo, conformando a nossa vontade com a d’Ele. A santidade mede-se pela estatura que Cristo atinge em nós. O Concílio Vaticano II lembrou que todos somos chamados à santidade, mas poderemos nós, com os nossos limites e a nossa fragilidade, chegar tão alto? A Igreja propõe-nos muitos Santos, que viveram plenamente a caridade, que souberam amar e seguir Cristo na sua vida quotidiana. Todos eles nos dizem que é possível percorrer a estrada da santidade.

* * *

De coração saúdo os peregrinos do Brasil e os portugueses da paróquia de São Martinho do Bispo e da Escola da Lourinhã. Esta vossa peregrinação a Roma seja para todos um encontro com Jesus Cristo, que encha cada vez mais a vossa vida de amor de Deus e do próximo. Sobre as vossas famílias e comunidades desçam abundantes os favores divinos, que, sobre todos invoco, ao dar-vos a Bênção Apostólica.

© Copyright 2011 – Libreria Editrice Vaticana

Fonte: http://www.vatican.va/holy_father/benedict_xvi/audiences/2011/documents/hf_ben-xvi_aud_20110413_po.html

Anúncios
Explore posts in the same categories: Religião, Viagens

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: