A Mãe da Paz

Maria: Coração transbordante de Paz!

Existe palavra mais unanimemente aceita e mundialmente buscada que a paz? É certo que certos facínoras de esquerda e direita no decorrer da história tentaram nos convencer que “Guerra é Paz”, como descreve George Orwell no “1984”. Fora deles, a “civilização” – desde a “pax romana” até o “Paz e Amor” dos hippies – sempre buscou cessar os conflitos e fazer com que no mundo reinasse a tal “paz”. Mas talvez ela seja mais um daqueles nomes bonitos que ninguém sabe muito bem o que é e nem como chegar: como amor, vida, felicidade, verdade. Para os cristãos, porém, a Paz é algo muito concreto e delimitado: em toda Santa Missa o sacerdote exclama ao povo: “A Paz do Senhor esteja convosco!”, enquanto nós respondemos: “O Amor de Cristo nos uniu!”.

Para nós, portanto, estar em Paz é estar perto de Deus; e estar perto de Deus é estar junto do Amor. É exatamente por Maria amar como nenhuma outra pessoa amou neste mundo, que ela possui um coração transbordante de Paz. Creio que a oportunidade mais clara para compreendermos sua intimidade com a Paz é contemplarmos Nossa Senhora das Dores: Maria aos pés da Cruz de Seu Filho, sofrendo as dores de uma espada que lhe rasgava a alma; qual sua reação? Revolta, indignação, ódio daqueles que era os carrascos de seu Amado Unigênito? Não: apenas confiança restrita em sua Ressurreição, em Vida Nova, em Felicidade plena. Ela podia não entender naquele momento, mas a Virgem sofria em Paz, por crer que aquele estranho caminho levaria à plenitude da Vida.

Anúncios
Explore posts in the same categories: Religião

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: